TRATAMENTO

Oclusão

A oclusão é a especialidade da medicina dentária responsável pelo diagnóstico, prevenção e tratamento dos problemas musculares, articulares, dentários, tecidos moles e algumas das estruturas de suporte do sistema de mastigação.

 

A oclusão dentária é a forma como os dentes se relacionam entre si. Dependem do posicionamento dos dentes e da correta relação entre os maxilares de forma a permitir a manutenção de todas as funções orais como a mastigação, a fonação e a deglutição.

 

Os problemas oclusais podem levar à alteração destas funções e a disfunções tempero-mandibulares – problemas resultantes do funcionamento anormal da musculatura da mastigação, da articulação tempero-mandibular (ATM), estruturas associadas ou ambas na região buco-facial ou cervical. Os problemas de má oclusão estão diretamente relacionados com a redução da qualidade de vida da pessoa.

 

Os sintomas mais comuns são:

– Dores de cabeça, pescoço e maxilares;

– Ruido articular (estalidos);

– Zumbido;

– Sensação de ouvido cheio;

– Travamento ao abrir ou fechar a boca;

– Limitação na abertura da boca;

– Desgaste de dentes;

– Recessões gengivais por perda óssea;

– Dificuldade na mastigação.

 

No âmbito das patologias relacionadas com a oclusão destaca-se o bruxismo – apertar ou raspar de dentes – que pode ser diurno ou noturno. Os estudos referem 15-75% da população bruxomana, os mais recentes relevam que 37% da população europeia têm bruxismo dos quais 90% não têm consciência.

CASOS CLÍNICOS

Casos de Oclusão

CONSULTAS

Marque a sua consulta